segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Relógio de Oração - Pelo trabalho de ganhar almas


Neste mês de agosto estaremos ganhando muitas pessoas através do nosso relógio de oração.

Quem são essas pessoas?  E como elas serão ganhas através desse propósito?

Se você tem acesso a palavra amiga do Bispo Macedo pode observar em suas orações o Bispo sempre pede a Deus em favor dos sofridos, desesperados, abatidos de espirito e etc...

Eu cheguei na igreja com apenas 9 anos, ninguém nunca havia falado de Jesus pra mim, mas toda vez que passava na porta da IURD sentia um desejo enorme de entrar e um dia o fiz, creio que este desejo vinha devido a orações que eram feitas pelos obreiros e pastores.

Na IURD recebi todo apoio, carinho e atenção das obreiras e tias da escolinha; a minha família que servia aos encostos foi salva das garras do diabo e muitos familiares que me criticavam e perseguiam, hoje também servem a este Deus maravilhoso, e tudo isto através das orações que mesmo sendo uma simples criança eu fazia, não esquecendo das correntes como disse Jesus, 

 Disse-lhes Jesus uma parábola sobre o dever de orar sempre e nunca esmorecer:  (Lucas 18:1)

Hoje estou com 34 anos de idade, casada, feliz, 25 anos na IURD e 20 anos servindo ao meu Senhor, e posso afirmar com propriedade que a oração do justo e eficaz.

 A oração de um justo é poderosa e eficaz. (Tiago 5:16)

Nesse relógio de oração também devemos orar pelos bispos, pastores, obreiros, jovens e evangelistas . Eles são ganhadores de almas, precisam de muitas orações, pois nos sabemos que o diabo e o nosso adversario e precisamos desfazer suas obras.  Depois de alguns anos trabalhando no Brasil, Africa do Sul e atualmente nos EUA, nos vemos que por mais que tenhamos folhetos, TV, radio, evangelização constante.  A oração e indispensavel, afinal de contas ... 

Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que edificam  (Salmos 127: 1)

A maioria já conhece esta história mas não custa nada recordar:

No céu estava um pastor que crescia e arrebentava onde quer que ele fosse e uma vovozinha esperando pelos seus respectivos galardão:

Existiam dois, um enorme e outro pequeno: O pastor pensou consigo... anos de dedição e sacrificio no altar com certeza o maior e o meu. 

Enganou-se porque o maior foi entregue a pobre e humilde vovozinha, então o pastor perguntou: 
Por quê pra ela e não pra mim?

- Eu ganhei muitas almas em todos os lugares onde fui, cresci, fiz discipulos e, ela é apenas uma membro da igreja. O Senhor lhe respondeu:

- Sim filho, você fez tudo isto, correto, mas se não fosse as orações desta velhinha você fracassaria em tudo e até sua salvação estaria em risco.

Vamos colocar toda a nossa força neste propósito pois com certeza estaremos ganhando almas para o Senhor Jesus.

Escrito por:
Volte aqui na Quarta e veja a importância de orar por todas as crianças :-)