sábado, 10 de julho de 2010

Noivado - parte 2


A vida está cheia de desafios que, se aproveitados de forma criativa, transformam-se em oportunidades.

Durante o meu noivado, eu fui preparando a base do meu casamento. As reuniões que eu participava na João Dias (ahhh… eu amava aquelas reuniões), a cada reunião eu voltava para minha cidade abençoada. Era um domingo sim e um domingo não… lembro como era sacrifício ter que ir, eu tinha que pegar um ônibus em Cubatão para o metro Jabaquara, depois do metro para a estação São Judas e lá, pegava o ônibus João Dias (total de 2 horas), durante quase 4 anos, mas era uma alegria um privilégio de ir nas reuniões de noivas.

Lembro que tinha uma obreira que eu gosto muito dela, porque fazíamos muitos sacrifícios, tínhamos sede de aprender mais. Lembro que o bispo em uma das reuniões disse que iria começar uma reunião nas quintas às 7 da noite pra casais(reunião com o povo) e as noivas da capital podiam participar. Só que eu e minha amiga obreira que hoje também ela é esposa e, que essa semana está indo pra Jamaica… a Lígia, enquanto o bispo Roberto Mauzer falava, nós olhávamos uma para a outra (tipo eu quero ir também nessa reunião rs), nós éramos do interior do litoral de SP, ficaria dificil pra nós, mas depois que acabou a reunião de noivas, nós decidimos vim sim nas quintas-feira.

Eu fazia minha hora de almoço trabalhando pra sair mais cedo nas quintas, comecei a fazer sabonetes pra vender, pra mim ter condições de ir, ela fazia e faz até hoje rsrs, enfeites de biscuit e, dessa maneira conseguíamos chegar nas reuniões de quinta na Catedral.

Só era nós que íamos do interior, era uma benção… eu voltava pra casa quase 1 da manhã, mais valia apena. Tudo que acrescentava na minha vida e no meu noivado ali eu estava, sem reclamar, não me importava o que eu tinha que fazer. Eu já estava segura em relação ao meu relacionamento, agora eu precisava começar acrescentar na vida do meu noivo.

Ele me dava toda semana sua reunião gravada pra mim escutar e, eu escrevia pra ele o que Deus tinha falado comigo. Orava por ele, fazia propósitos, jejuns e etc. Mas sempre o objetivo que fazia, não era só em relação a ele, mas em relação a igreja, em tudo que ele fazia.

As minhas orações, os meus propósitos, nunca foi para que Deus enchesse a reunião dele de pessoas, que ele fosse logo tomar conta de uma igreja ou que nós fossemos logo abençoados e assim pudéssemos casar. Mas que ele fosse sim usado para salvar pessoas, que ele desse testemunho, que as pessoas pudesse ver Deus nele.

Uma das coisas que eu aprendi nas reuniões de noivas, e que guardo no meu coração até hoje é… “Não adianta enchermos as igrejas, se não enchemos o céu”, “Não é a quantidade é sim a qualidade”, “Deus precisa de Verdadeiros Homens e Mulheres de Deus”… Isso eu aplico na minha vida até hoje.

Toda a oportunidade que temos, reuniões, orientações, exemplos e etc… não podemos desprezar. É muito fácil dizer “huahua isso é forte”, “arrebentou”, “olha que bacana” “Deus está falando comigo”. Mas só que isso é da boca pra fora… muitas meninas na igreja tem tido tantas oportunidades!!! mas assim como elas ouvem, entra e sai da mesma maneira que entrou no seus ouvidos, muitas não aplicam na sua vida, no seu dia-a-dia.

Não podemos cansar de aprender, não podemos cansar de sacrificar, nós temos que ser as mesmas sempre e a cada dia melhores pra Deus.

Tudo que você consegue aprender para acrescentar na sua vida, na vida da pessoa que você escolheu pra está com você, e na obra… faça!!! pois é um investimento que você está fazendo.

Quando você procura acrescentar, então, você não encontrará coisinhas do tipo, ah meu noivo não ligou pra mim hoje, ah ele está sendo injustiçado, ah o nosso casamento não é abençoado logo, ah pra que tanta reunião. Isso é pensamento de pessoas que estão com a sua mente vazia, cheias de suas vontades, que não tem o objetivo realmente de servir a Deus, de Glorificá-Lo... que não tem buscado acrescentar coisas importante na sua vida, no seu ministério (não deixam de ser Meninas para serem mulheres de Deus).

Comece a dar valor aos privilégios que Deus tem dado pra Você, que é de aprender… só ficar dizendo da boca pra fora e não aplicar na sua vida, não vai mudar nada. Durante esse tempo de noivado passei por muitas lutas do tipo termina Graciele com o seu noivo, fica sem se falar 6 meses com ele e etc e eu??? Obedeci e pronto meninas! porque eu sabia que Deus cuidava de mim, tudo que eu fazia não era em vão... NADA!!!

Quanto mais eu fazia... mais vinha dificuldades, e mesmo assim não me cansava de investir, de sacrificar, de escutar, de aprender e de Confiar.

Hoje eu estou colhendo o que eu plantei e, amanhã estarei colhendo o que plantei hoje. O que você tem plantado Hoje? Se você tem investido com todas as suas forças, você colhera tudo isso amanhã... agora se você tem plantado hoje, com reclamações, com sentimentos, desanimo, ansiedade e etc, etc, etc... você colherá amanhã tudo isso também. Lembre-se: A sua vida hoje é retrato do que você tem plantado!

Aproveite as oportunidades.

Continua…