quarta-feira, 9 de junho de 2010

Hoje não me envergonho do evangelho



Sou uma Jovem, preste a entrar na Obra de Deus, sou Candidata a Obreira da Igreja Universal, tenho 15 anos, pode não parecer mas graças a Deus digo que são 15 anos de grandes experiências...

Desde os 2 anos frequento com minha familia a Igreja Universal, como se diz:Praticamente nasci na Universal. Com o passar o tempo fui crescendo ouvindo falar de Jesus, ao completar uns 12 anos já tinha noção não muito, mas pouco do que era certo e errado! Não gostava de ir a Igreja odiava... Ficava torcendo que não chegasse o Domingo porque era o dia de ir pra igreja com minha mãe, eu chorava pra não ir mas não resovia nada ia de qualquer jeito, quando chegava lá os mesmo assutos... Jesus!!
Há sempre falava será que aqui num tem outro assunto a num ser falar de Jesus que chatisse. Fui crescendo assim com esse pensamento.

Quando completei 13 anos minha mente foi clareando, foi onde comecei ter prazer de ouvir a palavra de Deus, porque essas palavras mas na frente iria mim servir com espada quando estivesse enfrentando uma batalha. Mas antes de pegar firme mesmo, eu era vamos dizer um desgosto pra minha familia, uma menina rebelde, mentirosa. Digo a vocês se eu falasse uma verdade no único mês era muito, eu era muito mentirosa, mesmo frequentando a igreja e sabendo que isso estava errado, mas eu não queria saber, achava igreja brega de mas eu queria era mim divertir sair com amigas, dançar e muito mas eu dolatrava o mundo.

Chegava a falar:- Pra que ir pra igreja, fica lá canta ora e pronto que morgado aqui fora não eu danço, sou mas alegre, mas o seguinte era passageiro mas mesmo assim gostava das coisas do mundo e tem mas eu chegava até a roubar aos meus pais para gastar com minha amigas, gostava de ser aquela menina, que as outras olhassem tivessem inveja porque eu podia e elas não. Sabendo que isso era um pecado muito grande, ainda roubava a Deus isso nesta época pra mim era de menos, não sabendo que eu estava destruindo minha própria, com o passar dos tempos minha vida virou um "Inferno" brigas, em cima de brigas, desunião com minha familia, amigos que dizia que era amigos, se distanciando, enfim cheguei um tempo em que procurava alguém para conversar e não tinha, mas ainda mim achava a vitima, não sabendo eu que estava errada.

Mas mesmo assim minha mãe vivenciando tudo isso, não deixou de lutar por mim, fazendo correntes fortes pra Deus transformar minha vida, foi quando comecei a mim tocar vendo aflição da minha mãe, vi que oque estava fazendo era errado, foi quando comecei a frenquentar mas a igreja ouvir mas a palavra e chegou um certo, momento resumindo porque se eu for contar tudo passarei tempos e tempos digitando...

Chegou um certo momento que cair em sí e tomei uma decisão decidir largar tudo, ou seja, abri mão das coisas deste mundo para serir a Deus, foi quando mim Batizei nas Água, matei meu velho eu e comecei a pegar firme nas correntes e nos propositos, claro que neste intervalo veio muitas tribulações e viram concerteza porque quem é Deus está sujeito a isso, mas Deus relata na biblia: Que Aquele que vienher a mim jamais o lançarei fora! Intão sempre nos momentos dificieis DEUS está comigo, e por está com ele toda batalha que veio e virá vencerei porque DEUS é maior que tudo e todos. Hoje graças a Deus só uma menina transformada, uma grande mulher de Deus, sendo preparada mas e mas pra servir a Deus, salvar almas, antes eu odiava ir a igreja, Hoje é meu maior prazer!! Porque foi em Deus que encontrei paz, alegria, amor e acima de tudo salvação...

Hoje não mim envergonho do evangelho, na minha casa há paz, minha familia é de Deus... Exemplo disso meu pai que não era convertido, mas depois de eu fazer propositos por ele hoje ele está na presença de Deus,não foi facil mas, foi mas uma batalha que vencir, minha felicidade, antes minha mãe lutava por mim hoje eu agradeço a cada dia primeiramente a Deus por ter transformado minha vida e segundo a ela por não ter desistido de mim.. Hoje é só alegria!

Posso dizer que hoje sou A Erika que Deus tem usado e usará mas e mas como instrumento de salvação, uma menina abençoada por Deus! Ainda não para por aqui, Deus é grande muito mas a de vim sobre minha vida!

Na fé,
Erika