terça-feira, 16 de novembro de 2010

As Conseqüências


Meu nome é Luiza tenho 25 anos. Quero lhe dizer que me identifiquei muuuito com a história da senhora, ou melhor com o começo de sua história, pois assim como contou eu também cheguei na igreja com 12 anos de idade, só que a diferença é que minha mãe não ia para a igreja e quase não deixava eu ir, as vezes tinha que ir escondida, desde o primeiro dia que fui na igreja já senti que ali era o meu lugar e não parei mais, deixei de fazer as coisas erradas amizades ( e olha que eu tinha amigos hein), com menos de um mês de igreja já queria me batizar, lembro-me deste dia estava muito frio, mas foi maravilhoso! foi o começo da minha caminhada(foi uma luta p/ convencer minha mãe deixar eu me batizar).

Bom depois disso me lancei completamente nas mãos e na obra de Deus como a senhora, eu também era do grupo de jovens e estava sempre na igreja era pau pra toda obra, tudo que o obreiro pedia para fazer eu queria fazer mais, existia um amor muito grande no meu coração pelos jovens, me dedicava de verdade minha vida era viver pra Deus e para o grupo Jovem, minha tribo arrebentava, sempre cumpria as gincanas passadas e os jovens que eu levava se convertiam e hoje tem até pastores que eram da minha tribo. O desejo de fazer a obra crescia a cada dia dentro de mim e, desejava servir ao Sr.Jesus mais e mais.

Fui levantada a obreira com 6 meses de igreja e tinha na época 13 anos outra luta p/minha mãe permitir, mas Deus tinha me escolhido. Depois que fui levantada obreira continuei no grupo jovem, mas logo fui chamada pelo Obreiro Regional p/trabalhar no Grupo Jovem, mais um sonho realizado ir p/outras igrejas servir ao Senhor, e fui p/ a zona leste trabalhar com o pessoal lá, e não só lá mas fui p/varias igrejas... nossa me sentia privilegiada.

Depois de um tempo fui mandada para auxiliar um Jovem No grupo Jovem do Rosana I e lá tive a oportunidade de conhecer pessoas maravilhosas, minha vida era aquelas jovens já com 16 anos não tinha vida própria minha vida era do Senhor e amava isso. Meu sonho era servir no altar mas não como esposa e sim como pastora, sonhava com isso! Todas as reuniões que o pastor dizia que precisava de Obreiros p/trabalhar na cede eu já me envolvia e me colocava a disposição,muitas vezes ia vários obreiros da região e só eu de mulher mas não estava nem aí o que eu queria era servir. Más não sei como nem de que forma explicar isso mas me interessei por alguém do mundo e a partir daí deixei tudo aquilo que um dia sonhei por nada, larguei a obra, os jovens, a igreja e o Senhor Jesus, não sentia mais vontade de ir, não fiquei com essa pessoa muito tempo mas foi suficiente para não sentir mais forças de voltar p/o Sr.Jesus.

A partir de então comecei sentir as conseqüências de ter deixado o Sr. Jesus. Comecei a sair me envolver com pessoas erradas e com 18 anos engravidei fiquei desesperada mas mesmo assim casei com meu esposo e as lutas só aumentaram, senti na pele a dor de ter largado o arado, sofri muito, muito mesmo... quantas noites eu chorei mas acreditem mesmo assim não sentia vontade de ir a igreja, eu e meu esposo brigávamos sempre eu trabalhava muito p/sustentar meu filho mas chegava em casa começava, quantas vezes meu marido me agrediu, mas mesmo assim ainda não tinha vontade de voltar, até ia na igreja mas não me entregava. Até que um dia depois de quase 10 anos, não faz muito tempo tem apenas 4 meses fui tocada mas com muito sofrimento, com meu casamento totalmente destruído e com meu marido viciado em drogas vi que quanto mais tempo eu perdia sem me entregar de verdade mais eu sofria.

E pela eterna misericórdia de Meu amado Sr.Jesus eu me entreguei novamente ao meu Deus, meu marido também esta na igreja se batizou e, esta a cada dia mais se entregando ao Sr.Jesus, ele esta na fé junto comigo e largou as drogas graças a Deus!!!

E hoje só o que quero é servi-lo e amá-lo, só que como para qualquer ação, tem uma reação ou seja quem planta colhi, eu colhi os frutos de ter deixado o meu Senhor e o meu sonho de servir no altar, já não poderá ser realizado, ou seja Deus me perdoou mas como Moises foi impedido de entrar na terra prometida por causa do pecado do povo, assim também pelo meu pecado hoje sou privada disto, Moisés viu mas não entrou eu posso servir de qualquer forma menos da forma que eu sempre desejei. Mas já que não posso servir no altar, vou servir no altar com minha vida, minhas ofertas e sacrifícios e com tudo que o Sr Jesus pedir. Fica um Alerta p/todos nós não vamos perder tempo neste mundo pois não vale apena e tudo que fazemos tem uma conseqüência, como no meu caso, posso até voltar a ser obreira mas não posso ir p/o altar.

Graças a Deus que me deu uma nova chance!!!

Deus abençoe a todas...