sábado, 10 de maio de 2014

Geração do Altar part.4

Funções (Altar/Átrio) VS Família

Uma vez que você entregou sua vida no Altar (Deus), a sua vida, suas vontades passam ser as vontades de Deus... o seu querer é servir a todo tempo o seu Senhor e que as vezes por estar tão envolvida com isso, você deixa desequilibrar o seu tempo e acaba deixando de fazer muitas coisas com sua família. Você não se dá conta disso, mas todos os olhos estão em cima de você, pois agora, na cabeça dos seus familiares, você tem que ser a perfeita! Uma vez sendo obreira, que aconselha os demais, eles pensam que você precisa ser perfeita também em sua casa.

Nós temos que dar bom testemunho sim em nossas casas, temos que dar atenção para os nossos familiares e também cumprir com os nossos afazeres, mas, precisamos entender que por mais que fazemos tudo para agradar a nossa família, nunca seremos reconhecidas e sabe por que? Porque a nossa luta é espiritual! Isso quer dizer que por mais que você faça, busque agradar, se eles não são da mesma fé, não adianta, sempre vai haver algo para reclamar de você.

O problema maior é quando a pessoa não dá bom testemunho, daí fica mais difícil, pois ela não está no Altar(Deus), então nunca conseguirá ser Deus e manifestar as atitude Dele para com a sua família, daí a guerra não será só em seu interior e sim também em sua casa, imagine como deve ser a vida de uma pessoa fake no altar?

Mas voltando ao assunto das funções VS Família... Assim como um dia você deixou as suas vontades para estar no Altar de Deus, e essa decisão, fez a sua família ficar contra você ou te persegui, imagine a sua família saber que você está pronta para exercer uma função? Ou até ir mais além, deixar tudo para estar no altar? Muitos pais querem que seus filhos tenha uma vida melhor do que a deles, querem ver seus filhos felizes, com condições financeira bem porque eles acham que é o melhor que pode acontecer na vida do seus filhos, muitos pais não tiveram um encontro com Deus e muitos nem se converteram, por isso, eles acham que o melhor estar nessas coisas, não é um pensamento ruim, mas, não é um pensamento que encaixa nos pensamentos de Deus, quando há chamada na vida daqueles que são escolhidos.

Quando você já está decidida e não há duvidas de se alistar nas funções (Átrio ou Altar), Deus vai fazer a obra em sua família. É claro! Você enfrentará lutas em dobro, terá que engoli muitos sapos de pernas abertas, terá que muitas vezes descer ao nível deles, perder a razão e ficar como boba e simplesmente confiar em Deus... mas saiba que tudo coopera para a sua preparação em servir a Deus em nessas funções.

Eu poderia ficar aqui escrevendo detalhes por detalhes sobre este assunto, mas, essa situação que passamos com a família é um preparo para cada uma de nós, é para que sejamos preparadas e que sejamos diferentes nessas funções e não mais uma. Se você não tirar de letra esta situação, você será mais uma nas funções.

Uma coisa bacana que li essa semana do Bispo Renato e tem tudo a ver com isso: Quando você está fazendo algo que importa, que toca vidas, que ousa além do comum, você será odiado por alguns, atacado por outros. Não se preocupe com isso. Preocupe-se se ninguém reagir, de uma forma nem de outra — pois isso significa que você está fazendo nada com nada.

Continua dia 12