sábado, 15 de fevereiro de 2014

Dia 14 até 19 inconformados: Sal da terra

Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens. (Mateus 5:13)

Você já parou para pensar por que somos comparadas como o sal da terra?

O sal é o alimento fundamental para a vivência: preserva, conserva os alimentos e lhes dá sabor, não é assim?  Este elemento possui inúmeras qualidades especiais, dentre as quais eu gostaria de destacar duas: em primeiro lugar a capacidade marcante de fazer a diferença e influenciar outros elementos, alterando seus sabores (espiritualmente falando identidade) em segundo lugar a capacidade de não se contaminar e ao mesmo tempo impedir que outros elementos se contaminem com a corrupção (pecado) desse mundo, fazendo com que tenham as suas estruturas preservadas e livres de contaminação.

Mas o sal só consegue exercer plenamente as suas qualidades quando espalhado e misturado fisicamente com outros elementos. Enquanto estiver sozinho o sal não exerce o seu pleno poder e importância!

Ser "sal da terra" significa ser uma presença discreta e ao mesmo tempo essencial. Como tempero, o sal é imprescindível no preparo de muitos pratos. Por um lado, sem ele, os alimentos se descaracterizam e perdem o sabor. Por outro lado, o sal em excesso pode estragar totalmente os alimentos, a ponto de que se torne insuportável comê-los. O sal deve, pois, estar presente na medida certa. Por si só, ele não se faz notar, mas constitui um ingrediente que, de fato, não se pode substituir.

O que isso tenha ver com nós??? Muuito!!!

Ser sal da terra significar ser um cristão de verdade, a onde passa ele dar sabor, o ambiente oxigenado com a presença do cristão tem que ser o mais gostoso, o mais agradável e o mais saboroso possível. Quando entendemos isso, aprendemos a não ter vergonha de mostrar o nosso Jesus para os demais, não queremos ser parecidos com a moda atual, não queremos ser comparados iguais a este mundo… simplesmente somos diferentes!

De hoje até quarta-feira, você vai observar suas atitudes diante das pessoas ao seu redor e vai detectar as atitudes que tem salgado demais, atitudes que tem causado maus testemunhos e vai eliminar isso de você... quer ser o sal da terra? Quer salvar vidas? Então comece olhando para você mesmo, trabalhando em suas manias e atitudes ruins e automaticamente você salvará almas sem força a barra e, o Espirito Santo trabalhará em você e nas pessoas que estão te observando.