segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

1º dia Retrospectiva dos Heróis da Fé – Abraão

Vamos começar com o primeiro a ser chamado o Pai da Fé.

Abrão saiu da terra de seus pais e do meio da sua parentela, em um momento que acabava de morrer o seu pai, naquele momento ele era o escolhido para liderar o seu povo, pois ele era o primogênito, mas Deus falou com ele: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei e engrandecerei o teu nome; e tu serás uma bênção. Assim partiu Abrão, como o Senhor lhe tinha dito, e era Abrão da idade de setenta e cinco anos quando saiu de Harã.

Ele já era idoso mas não olhou a sua condição, renunciou tudo para confiar em Deus e creu na promessa que, Deus o faria uma grande Nação. Em sua jornada com Deus no deserto, passou muitas dificuldades e momentos de solidão, a total confiança em Deus foi abalada... Ele teve medo! Sim, ele SENTIU medo, quer dizer, ele deixou se levar pelo que sentiu e por isso, mentiu ao Faraó do Egito que Sara era sua irmã e ofereceu ela para se deitar com o rei do Egito. Os pensamentos de medo, dor, tristezas e etc vem para todas nós... Mas cabe você e eu decidir ficar curtindo ou enfrentar eles. Quantas de nós agimos como Abrão, recebemos a promessa de Deus, largamos tudo para confiar em Ele e, ao decorrer do tempo, e por olhar o tempo, a solidão, as pessoas e os problemas, deixamos de confiar e, agimos com as nossas mãos pelo que sentimos, pelo simples fato de curtir a dor e não enfrenta-la?

Outra vez Deus promete mais uma promessa a Ele e veja o que aconteceu: Não temas, Abrão, eu sou o teu escudo; o teu galardão será muito grande” (Gênesis 15:1). Mesmo após estas palavras de encorajamento, Abrão ainda! não acreditava na promessa do filho, que nasceria do ventre estéril de sua mulher. Este foi o seu segundo grande erro. Por isso, retrucou a Deus:“A mim não me tens dado filhos; de modo que um nascido na minha casa será o meu herdeiro”(Gênesis 15:3). Então, DEUS o levou para uma experiência pessoal com ELE:“Então o levou para fora, e disse: olha agora para o céu e conta as estrelas, se as pode contar. Assim será a sua descendência. Creu Abrão no Senhor, e isso lhe foi imputado para justiça” (Gênesis 15:5-6). Mas parece que a fé de Abrão durou pouco tempo, enquanto esteve apenas sendo testado por DEUS. Ele se envolveu com a escrava por insistência de Sarai, que não suportava mais esperar o cumprimento da promessa, e então, Deus ficou cerca de 13 anos sem falar com Abrão! e quando apareceu disse:

Sendo, pois, Abrão da idade de noventa e nove anos, apareceu o SENHOR a Abrão, e disse-lhe: Eu sou o Deus Todo-Poderoso, anda em minha presença e sê perfeito. Gênesis 17:1

Erros são comuns em nossa natureza limitada e pecaminosa. Entretanto, DEUS quer que permaneçamos firmes, olhando para ELE!

Deus deu mais uma chance para Abrão e Sarai, mudou o seus nomes e sabe por que? Espiritualmente falando, Deus renovou seu pacto, fez eles nascerem de novo com a mudança do nome de ambos era como se Deus estava mudando o caráter deles, não demorou muito e Sara teve um filho o Herdeiro da promessa.


Mas Abraão foi posto a prova mais uma vez e em obediência a voz de Deus, entregar a Isaque em sacrifício, crendo que Deus era poderoso para levanta-lo das cinzas; por sua fé ele foi chamado de "Pai da Fé"; pois ele ousou crer em Deus de uma maneira sobrenatural. Foi justificado por sua fé e sua entrega; demonstrou que a obediência é a prova viva de uma fé autentica. Abraão não foi mais guiado pelo sentimento agora era guiado por uma fé obediente a voz de Deus.

Talvez você esteja na mesma situação de Abrão, recebeu a promessa mas ao decorrer do tempo, você já não tem a fé obediente e tem até pensando em desistir saiba de uma coisa:

DEUS NÃO MUDA AINDA QUE MUDEMOS EM RELAÇÃO A ELE! DEUS É FIEL AINDA QUE SEJAMOS EXTREMAMENTE INFIÉIS! DEUS É NOSSO ESCUDO E FORTALEZA AINDA QUE QUEIRAMOS CAMINHAR COM NOSSAS PRÓPRIAS FORÇAS!

Antes de Abrão ser: o Abraão o Pai da Fé, ele foi enganado pelo sentimento, mas fez que ele aprendesse com base sobre a Fé obediente. Hoje é a sua vez! Você decide!

Ser Abrão ou Abraão?

Pense e comente, isso irá lhe ajudar: O que fez Deus te escolher no meio da multidão como Abrão? E o que você acha que tem que fazer para Deus mudar o Seu nome como de Abraão?

Fabiane Cunha e Graciele Santos