sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Uma das virtudes que temos que ter



A hospitalidade é uma virtude que deve ser praticada por todos que desejam agradar a Deus. No dicionário a palavra “Hospitalidade” é Bom acolhimento, Amor a os estranhos, ela é semelhante a palavra Hospital, Hotel (onde recebem pessoas estranhas).

Ser hospitaleira é receber e tratar as pessoas bem. Podemos ser hospitaleiras em nossa casa, em nossa igreja, em nossa escola, em nosso carro, em nosso trabalho, etc. Saiba que é exercitar o amor ao próximo e cumprir a regra de ouro dada pelo Senhor Jesus: “Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós, porque esta é a lei e os profetas..." (Mateus 7:12).

Para quem quer servir a Deus é uma das virtudes que um servo precisa ter, principalmente quem quer servir no Altar.

Hoje em dia muitos tem sido individualistas e se fecham neles mesmos; isso infelizmente tem matado esta bela virtude na vida de muitos. A hospitalidade tem sido algo raro hoje em dia. Pessoas que mostram grande frieza e falta de hospitalidade para com o próximo. Transparecem seu egoísmo, falta de consideração e falta de amor, pois tem todas as condições de praticar a hospitalidade e não o fazem.

Nós como servas de Deus, como cristã, como obreiras e até nós que servimos no altar precisamos ser hospitaleiras com as pessoas, quando chegam na igreja, recepciona-las como se fosse o Senhor Jesus (essa atitude tem que ser natural), nós somos o cartão de visita (da forma que nós se comportamos mostramos ou não o Senhor Jesus), uma vez entendendo isso e praticando, teremos uma referencia maior para trazer as pessoas para à Deus, agora, quando não somos hospitaleiras, podemos até atrapalhar com os planos de Deus com aquelas pessoas que chegou na igreja e não foi recepcionada com hospitalidade.

Há pessoas que recebem tão bem, cuidam com tanto carinho e amor, que chega até a aquecer o coração do hóspede mesmo sem conhecer. Estas pessoas praticam a hospitalidade, e isto, é uma virtude admirável em suas vidas, que transparece a presença viva de Deus e um amor que fala ao coração das pessoas.

Tenho certeza que você também conhece estes dois tipos de pessoas e sabe a diferença que a hospitalidade faz. Nós devemos tornar a hospitalidade uma prática em nossas vidas sempre. Já ouvi pessoas dizerem que não voltam a determinados lugares por causa da forma fria em que foram tratadas. Infelizmente temos muitos em nosso meio que não são hospitaleiras, e isto é uma perda para o reino de Deus. Não seja mais uma.

Creio que um bom começo seria lidar com as pessoas com maior bom humor, com um sorriso nos lábios, com educação, com respeito, tratando-as como gostaríamos de ser tratadas.